Tá Contratado – Notícias e Novidades

Carnaval: Golpes No Cartão E Dicas Para Se Proteger

Veja como se proteger contra fraudes no Carnaval:

  • Proteja seu cartão e não o guarde solto em bolsos ou bolsas, pois isso pode facilitar o golpe do pagamento por aproximação;
  • Nunca entregue seu cartão para alguém inserir na maquininha e realizar o pagamento;
  • Garanta que sua senha não esteja visível para outras pessoas ao redor;
  • Não aceite realizar pagamentos se o visor da maquininha estiver danificado;
  • Sempre verifique o valor digitado na maquininha e peça o comprovante impresso;
  • Desconfie se o vendedor falar que precisa passar o cartão novamente. Verifique o valor pago e se houve cobrança a mais pelo aplicativo do seu banco;
  • Caso o vendedor precise pegar seu cartão, confira se o cartão devolvido é realmente o seu;
  • Mantenha o seu celular sempre protegido, assim evita o risco de furto do aparelho;
  • A senha deve ser única para acesso ao banco. Também use o bloqueio de tela inicial, biometria facial e/ou digital para acessar o celular e os aplicativos e ative o bloqueio automático de tela.
  • Em caso de roubo, comunique imediatamente o seu banco e registre um boletim de ocorrência (online ou na delegacia).
  • As fraudes mais comuns

    É preciso cuidado ao digitar a senha. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), uma das irregularidades mais comuns é o roubo de senha enquanto o cliente digita. Na hora de pagar por uma bebida, por exemplo, o criminoso se aproveita de um momento de distração do comprador e presta atenção na senha que é digitada.

    Relacionadas

    imagem11-02-2023-12-02-02

    Novo golpe do Pix usa extrato de clientes e toca até música do Itaú

    imagem11-02-2023-12-02-02

    Novas regras do Pix: Saiba como verificar e alterar limites para transações

    imagem11-02-2023-12-02-03

    É uma boa antecipar o 13º salário para investir? Quanto rende?

    Jamais faça pagamentos se o visor da maquininha estiver quebrado. Adriano Volpini, diretor do Comitê de Prevenção a Fraudes da Febraban diz que é importante que o folião insira o cartão na maquininha e veja se o cartão devolvido é realmente o seu, porque o valor digitado por um golpista pode ser maior.

    “Peça o recibo impresso da transação ou verifique se o valor está correto nas mensagens SMS que recebe no app do banco. No caso de pagamento via QR Code ou transferência, confira o valor e o destinatário do dinheiro”, diz Volpini.

    Cuidados com o celular são necessários para evitar fraudes. Em lugares como aglomeração, como blocos de rua, é comum haver furtos ou arrastões. Se quiser levar seu aparelho no Carnaval, tenha em mente que os criminosos acessam o celular já desbloqueado e pesquisam senhas eventualmente armazenadas pelos próprios usuários em aplicativos e sites.

    Related Posts