Tá Contratado – Notícias e Novidades

Professores da Universidade de Brasília encerram greve e indicam fim da paralisação nacional


Aulas estão previstas para retornar na próxima quarta-feira; sindicato afirma que nem todas as pautas foram atendidas, mas classifica a manifestação como positiva

TON MOLINA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOManisfestante durante protesto dos Professores Federais
Protesto de grevistas em frente ao Ministério da Educação

Em Assembleia realizada nesta quinta-feira (20), professores da Universidade de Brasília (UnB) decidiram pelo fim da greve da categoria. As aulas estão previstas para retornar na próxima quarta-feira (26). A decisão foi tomada após a aceitação das propostas do governo pela Associação dos Docentes da UnB. A expectativa é que outras universidades federais que aderiram à greve nacional dos professores sigam o mesmo caminho. Assembleias locais serão realizadas nos próximos dias para decidir se aceitam ou não as propostas do governo. Universidades federais do Rio Grande do Norte, Paraná e Maranhão já indicaram que devem retomar as aulas em breve. Ao todo, 62 universidades e institutos federais estiveram em greve por mais de dois meses.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

O Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes) afirmou que nem todas as pautas dos grevistas foram atendidas, mas classificou a paralisação como positiva. O principal ponto de reivindicação, o reajuste salarial, não foi concedido, mas o governo se comprometeu a revogar uma portaria que ampliava a carga horária dos professores e a criar um grupo para debater a reestruturação das carreiras. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem buscado se aproximar dos reitores das universidades, anunciando recursos para o setor da educação. O retorno gradual das atividades deve ocorrer à medida que as instituições encerrem a paralisação. A expectativa é que, com o fim da greve, o calendário acadêmico possa ser ajustado para minimizar os impactos no semestre letivo.

*Com informações do repórter Henrique Carmo





Fonte: Jovem Pan

Tagged:

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts