IBGE: processo seletivo para Censo 2022 já tem 650 inscritos | Agência Brasil

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou hoje (3) que contabilística, até o momento, 650 matriculados para o processo seletivo do Censo Demográfico 2022. As inscrições para concorrer a 206.891 vagas temporárias foram prorrogadas até 21 de janeiro.imagem03-01-2022-14-01-49

São 183.021 vagas de nível de chave para ceneiros, 18.420 para supervisor de agente centerário (ACS), e 5.450 para agente centerário municipal (ACM). As vagas são distribuídas em 5.297 municípios de todo o país. Os recenseamentos do IBGE atuarão diretamente na coleta das informações em mais de 70 milhões de domicílios.

O salário para agente centerário municipal é de R$ 2.100. A remuneração para agente censitário supervisionado é equivalente a R$ 1.700. Já o salário de censo varia conforme a produção. É possível simular a remuneração no site do IBGE. A Fundação Getulio Vargas (FGV) é a organizadora da seleção.

De acordo com o coordenador de recursos humanos do IBGE, Bruno Malheiros, o órgão prevê que o número de inscritos para o processo seletivo deve chegar a 1 milésimos até 21 de janeiro. Ele ressaltou que é natural a ampliação das inscrições de um certame deste porte como o período de inscrições anteriores, aberto em um momento de festas de final de ano, foi curto.

” Em janeiro, temos pessoas diversas que começam a se moviitar em busca de uma renda para 2022 e pessoas que estavam trabalhando em atividades temporárias, situação bastante comum no final do ano. Também temos alunos que estavam de férias sem se preocupar muito com a questão da renda, ” disse Malheiros.

Proofs

As provas serão realizadas em todos os municípios onde há vagas. O candidato poderá fazer as provas em um local diferente do que ele / ela selecionar para trabalhar no ato da inscrição.

O agente censor municipal gerencia o trabalho do posto de coleta, enquanto o agente censor supervisionado, subordinado ao municipal, tem como principal função orientar o censo trafegador durante a execução do trabalho de campo.

Como as vagas do agente de cenografia terão cadastro exclusivo, o candidato com a melhor classificação será oferecido a vaga do agente centrado no censo municipal. O restante terá direito às vagas de agentes de censitários supervisionados, de acordo com a ordem de classificação.

A taxa de inscrição para censo é de R$ 57,50, e de R$ 60,50 para agente censitário, podendo ser paga até 16 de fevereiro. Com a prorrogação dos prazos, as provas foram adiadas de 27 de março a 10 de abril.

Os candidatos poderão concorrer aos dois processos seletivos, uma vez que as provas dos recenseadores serão realizadas no turno da manhã e a dos agentes do censor na parte da tarde.

As provas objetivas serão aplicadas presencialmente seguindo os protocolos sanitários de prevenção covid-19 que aparecem em edital. De acordo com o IBGE, o candidato que descumprir as medidas protetivas será eliminado do processo seletivo.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.